+A -A

Duratex promove 2º workshop na PB sobre combate à exploração sexual infantil

Em parceria com Childhood Brasil, companhia busca desenvolver metodologia que vai facilitar acesso às informações sobre casos de violência sexual contra crianças e adolescentes em João Pessoa. Ideia é oferecer dados para que empresas e órgãos públicos possam promover ações cada vez mais eficazes de combate ao problema

A última terça-feira, 24 de junho, foi animada na unidade de Louças Paraíba da Duratex. Colaboradores da companhia e representantes da comunidade local se reuniram para mais um workshop sobre o combate à exploração e abuso sexual de crianças e adolescentes no município de João Pessoa.

Trata-se da primeira etapa do projeto Proteger e Sorrir em Rede, iniciativa da Duratex, em parceria com a Childhood Brasil, que visa desenvolver metodologia para centralizar, em um sistema único, o acesso às informações sobre os casos de violência sexual contra crianças e adolescentes que acontecem na cidade. A intenção é facilitar o processo, a fim de que empresas e órgãos públicos locais possam planejar e executar ações ainda mais eficazes de combate à exploração sexual infantil.

“Queremos que, assim como nós, outras empresas do entorno da nossa unidade se empoderem do tema e também se engajem no programa Na Mão Certa, atuando no combate à exploração sexual de crianças e adolescentes. Juntos temos muito mais força!”, diz Eliane dos Santos, coordenadora de Sustentabilidade da Duratex.

Neste segundo workshop, deu-se continuidade à coleta de informações e percepções da comunidade sobre o tema em João Pessoa, bem como à captação de sugestões de medidas eficazes para o combate do problema na região. 21 pessoas participaram do encontro, entre membros da comunidade, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Conselho Tutelar, Centro de Referência Especializado em Assistência Social, ONGs do município, Ministério Público e Polícia Civil.

No primeiro workshop, realizado em abril deste ano, outros 22 representantes estratégicos da comunidade de João Pessoa também participaram da dinâmica.

“Como próximos passos, vamos compilar todos os inputs dos workshops, definir a metodologia para coleta e análise de dados a respeito do tema e estabelecer cronograma para continuar trabalhando o assunto com os agentes locais”, explica Eliane.

A iniciativa faz parte da etapa de Soluções e Ferramentas do programa Na Mão Certa, da Childhood Brasil, do qual a Duratex é signatária desde 2007.

Assista, abaixo, vídeo que fala sobre o dever da sociedade de assegurar uma infância livre de abuso e exploração sexual a todas as crianças e adolescentes. Denúncias a respeito do tema podem ser feitas, anonimamente, pelo Disque 100 da Secretaria Nacional de Direitos Humanos.



Voltar