+A -A
08 de junho de 2021.

Duratex cria gerência de ESG

Com objetivo de consolidar ainda mais sua atuação nos pilares ambiental, de governança e social, a companhia anunciou a criação de uma gerência de ESG para atuar de maneira transversal dentro do negócio.

Parte do DNA da Duratex, os pilares de ESG sempre foram trabalhados com os diferentes stakeholders da companhia de maneira robusta. Para selar ainda mais esse compromisso, criou-se, em abril, uma gerência dedicada a concentrar as iniciativas deste tema com uma atuação transversal no negócio.

Liderada por Guilherme Setúbal, a nova gerência nasce com o objetivo de desenvolver ações de ESG como geração de valor e uma agenda de investimento na qual reputação, impacto social e ambiental positivos e solidez financeira caminham juntos. Para isso, a companhia está revisitando sua estratégia de atuação dentro desses eixos com foco em projetos que estejam cada vez mais integrados ao propósito, objetivos e setor de atuação da Duratex. 

“Um dos nossos maiores desafios enquanto área é traduzir esses conceitos para nossos stakeholders, reforçando que ESG é uma agenda de investimento para a companhia. É necessário, portanto, que a gente mergulhe cada vez mais nesse tema e siga desenvolvendo ações concretas dentro de cada um dos eixos norteadores do ESG para, na ponta, gerar valor financeiro e não financeiro para a organização”, explica Guilherme Setúbal, gerente executivo de ESG da Duratex.

Duratex cria gerência de ESG


Voltar